Governo Bolsonaro barra votação sobre mercado de carbono na Câmara

Governo Bolsonaro barra votação sobre mercado de carbono na Câmara

O projeto de lei que cria o Mercado Brasileiro de Redução de Emissões (MBRE) estava previsto para ser votado em regime de urgência na última segunda-feira (8) pela Câmara dos Deputados, mas saiu da pauta após um pedido vindo do Ministério do Meio Ambiente, em meio à COP26, conferência sobre mudanças climáticas da ONU.

Autor do projeto e vice-presidente da Câmara, o deputado federal Marcelo Ramos (PL-AM) contava que poderia anunciar a aprovação do mercado de carbono na COP26, mas seus discursos no pavilhão do Brasil na conferência foram de apelo para que o PL 528/2021 fosse levado ao plenário.
Leia mais (11/12/2021 – 13h00)

Generated by Feedzy