Poluição atmosférica pode matar 6,6 milhões por ano até 2050, diz estudo

Camada de poluição que encobre a cidade de São Paulo é vista do bairro de Santana, na zona norte da capital. O tempo seco dificulta a dispersão dos poluentes na atmosfera

Em alguns países a poluição mata mais que doenças como a Aids e malária.Se nada for feito para melhorar a qualidade do ar, a poluição poderá causar a morte prematura de cerca de 6,6 milhões de pessoas por ano até 2050. Veja a reportagem completa:

http://veja.abril.com.br/noticia/ciencia/poluicao-atmosferica-pode-matar-66-milhoes-por-ano-ate-2050-diz-estudo-02?utm_source=redesabril_veja&utm_medium=twitter&utm_campaign=redesabril_veja&utm_content=feed&

Acordo do clima é assinado por 175 países, recorde da ONU

O secretário de Estado americano  John Kerry levou a neta para assinar (Foto: Jewel Samad/AFP)

Os dois maiores poluidores do mundo, Estados Unidos e China, se comprometeram a cumprir esses processos neste ano e, no caso dos chineses, antes da cúpula do G-20 prevista para setembro.

Veja a reportagem:

Faça o Login

Contato

Tel 19 3565 1100

E-mail: z25@pesca.org.br